domingo, 30 de dezembro de 2012

PERIGO! TALIBANS EVANGÉLICOS!

URGENTE: Teocracia em Piracicaba segue fazendo vítimas

servidor piracicaba biblia 


Um funcionário do Ministério Público em Piracicaba (SP) Regis Montero foi expulso do plenário da Câmara na última segunda-feira (29) apenas por não ficar em pé durante a leitura de um trecho da Bíblia.
O presidente do Legislativo João Manuel dos Santos (PTB) interrompeu a sessão para solicitar  a retirada do servidor, que foi levado pelo braço por um policial militar e por um guarda municipal.
O ato da leitura bíblica foi instaurado através do artigo n° 121 do Regimento Interno.
Para o presidente da OAB de Piracicaba, Odinei Assarisse, o ato é inconstitucional, pois o estado brasileiro é laico.
A Guarda Municipal e a Polícia Militar de Piracicaba, por meio de suas respectivas assessorias de imprensa, afirmaram que apenas ‘cumpriam ordens’ do presidente da Câmara.

Sem comentários:

Publicar um comentário